Header Ads

JEJUM PARA INICIANTES - DÚVIDAS E PROTOCOLOS - DR Bert Herring

Comer dentro de um período de 6 a 8 horas horas consecutivas.








Apenas isso – este é o resumo básico: comer dentro de um período de seis a 8  horas consecutivas.

 “ Comer” significa consumir calorias de acordo com seu apetite.

 Isso não significa comer constantemente por cinco horas, e também não significa comer tanto quanto puder aguentar durante este período.

 Durante as horas consecutivas (a “janela alimentar”), coma o suficiente para satisfazer sua fome, e coma LOWCARB. Consumir liquidos calóricos conta como comer, então, somente bebidas não calóricas são permitidas durante o período de jejum – nada de: sucos, shakes de proteína, etc. Contanto que você mantenha um jejum de pelo menos dezenove horas diariamente e coma durante um período de cinco horas ou menos, você estará dentro das diretrizes do jejum intermitente. Qualquer janela de cinco horas consecutivas pode ser utilizada.

O que esperar:
Não espere nenhuma perda de peso nas primeiras três semanas, pois é a fase de adaptação. Você pode até ter um ganho de peso durante este período por comer em exagero como forma de compensar o período de jejum. 

Pesar-se durante este período não é recomendado, mas muitas pessoas não resistem, portanto não espere perda de peso nesta fase.


Algumas pessoas veem uma eliminação de peso mais rápida, até mesmo nas primeiras três semanas de adaptação. Isso não é um problema e pode não acontecer com todos. É menos provável que aconteça com alguém que já venha mantendo uma dieta de poucos carbohidratos. Uma eliminação inicial de vários quilos é provável que seja apenas água, então, se você observar uma grande eliminação inicial, não espere ver a mesma proporção nas semanas seguintes.

Como começar O JEJUM:
Há duas maneiras de começar: “imediatamente” e “gradualmente”. Estas são as duas abordagens que podem ser utilizadas.

1. Imediatamente
Nesta maneira de começar, simplesmente se escolhe não comer até a abertura da janela alimentar escolhida. Esta abordagem é normalmente eficiente, mas requer alguns dias de “quase”, antes de conseguir aguardar a hora exata de abertura da janela. Utilizando esta abordagem, o terceiro, o quarto ou o quinto dia será tipicamente o mais difícil atravessar. Depois desse “dia crucial”, os dias seguintes ficam mais fáceis rapidamente.
Lembre-se: se você “escorregar” e não conseguir aguardar a hora exata de abertura da janela, não desista. Chegar perto do seu objetivo força seu corpo a se adaptar, ficando mais fácil no dia seguinte. “Escorregar” faz parte da fase de adaptação.

2. Adaptação gradual
A. Adaptação Padrão
Na abordagem de adaptação gradual, a hora de interromper o jejum  é gradualmente adiada. A interrupção do jejum é sempre adiada meia hora a cada dia, ou após alguns dias, até que se chegue ao horário de abertura da janela alimentar desejada.

B. Adaptação “Personalizada”
Na abordagem de adaptação personalizada, você adia a interrupção do jejum em pelo menos quinze minutos em relação ao dia anterior, mas se não estiver realmente com fome, espere até estar. Com esta abordagem, você adia a hora de interromper o jejum de acordo com o incremento de tempo para o qual o seu corpo está pronto a aceitar. Em alguns dias a interrupção do jejum pode ser quinze minutos depois em relação ao dia anterior, e em outros pode ser uma hora ou mais, mas nunca antes do horário de interrupção do dia anterior.
Lembre-se: Assim como na abordagem “imediatamente”, se você “escorregar” e não conseguir aguardar a hora exata de abertura da janela, não desista. Chegar perto do seu objetivo força seu corpo a se adaptar, ficando mais fácil no dia seguinte. “Escorregar” faz parte da fase de adaptação.

Efeitos e Efeitos Colaterais
Esta maneira de se alimentar  funciona porque estabelece o apetite a um nível apropriado de acordo com a quantidade de energia estocada (gordura) que você tem e a quantidade de energia que você gasta num dia. Você ingere menos comida, então seu corpo queima mais gordura. Uma “farra”- ataque de voracidade alimentar – pode acontecer durante a janela alimentar na fase de adaptação do programa, como forma de compensação, mas normalmente ela não persiste.

Pessoas que adotam O JEJUM como maneira de se alimentar relatam o seguinte:

Centímetros antes de quilos —centímetros parecem desaparecer antes do peso. Provavelmente devido à redistribuição da gordura, o que significa que a pessoa perceberá a eliminação de peso nas roupas que ficam mais folgadas, antes de percebê-la na balança.

Sentir um pouco mais de frio quando normalmente se sentiriam confortáveis com a temperatura — Isto ocorre durante o período de jejum devido à ausência do calor gerado normalmente durante a digestão das refeições. A digestão é uma atividade metabólica, mas a energia queimada para digerir os alimentos é menor que a energia ingerida, resultando num ganho de calorias e gordura. Enquanto a ausência de calor proveniente da digestão pode significar ter que se agasalhar melhor no inverno, também significa um maior conforto térmico em dias quentes de verão. Depois de iniciar o Fast-5, o calor proveniente da digestão pode ser mais perceptível após a interrupção do jejum diário porque não será mais constante como era antes de se adotar esta maneira de se alimentar.

Diminuição dos sintomas inflamatórios e de outras doenças —as pessoas que adotam esta maneira de se alimentar, os chamados “Fast-fivers” relatam uma diminuição nos sintomas de: artrite reumática, esclerose múltipla, asma, dificuldades cardíacas e redução da quantidade de insulina requerida na diabete tipo 2.

Economia de dinheiro e de tempo — Menos refeições, menos comida e menos tempo gasto na preparação de alimentos significa mais tempo e dinheiro que você pode gastar como desejar.


QUER APRENDER MAIS SOBRE JEJUM?? GUIA PARA INCIANTES!

Veja também: DR Bert Herring ((LINK SITE)


Traduzido por Élia Regina Previato – eliareginapreviato@gmail.com

12 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. Quero fazer jejum,mas não me adaptei à low carb porquê não gosto de gordura,mas tudo o que leio sobre jejum está associado à low carb.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marcia tudo bem...espero que sim...Quando vc diz, não gosto de gordura vc se refere às gorduras normais, ou gorduras boas como castanhas, azeite, manteiga...abacate?

      Excluir
    2. Olá Márcia Rodrigues tudo bem? Eu encontrei sim uma página maravilhosa q não segue a alimentação low carb: Facebook.com/ocasaldojejum

      Excluir
  3. Olá, gostaria muito de fazer o jejum intermitente, mas como fazer se sou vegetariana? as proteinas vegetais são suficientes? obrigada

    ResponderExcluir
  4. ola , gostaria muito de fazer o jejum , mais nao entendi direito , esse negocio de janela alimentar pode me esplcar por favor ??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jnela alimentar é o período de algumas horas consecutivas em que vc vai consumir toda a ua alimentação do dia. Por ex: das 12 às17H ou das 13H as 18h... vc escolhe uma janela alimentar de 8 a 5 horas e consome o que desejar dentro dessa janela, na medida do seu apetite e sem se empanturrar. O periodo de tempo restante vc consome apenas cha café e água... tudo sem açúcar....vc pode fazer 16/8....16 horas de jejum e 8 de janela alimentar.... ou 17/7 ou 18/6 ou 19/5 19 horas de jejum e 5 horas de janela alimentar...essa última é a proporção de horas que o /Dr.Bert Heringer aconselha no seu programa..

      Excluir
    2. https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10212674221664212&set=a.1307151032623.46204.1045979103&type=3&theater

      Excluir
  5. Tenho uma dúvida, jejum intermitente de 24 hs durante a menstruação é recomendado?

    ResponderExcluir
  6. EU TOMO CAFE DA MANHA E DEPOIS SÓ JANTO, DESSE JEITO CONSIGO FAZER MEU ESTILO DE JEJUM!

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.